Blog Descubra Petrópolis

O Palácio Quitandinha visto por dentro: descubra o luxo e a beleza dessa grande atração

Você já visitou o Quitandinha por dentro? Muita gente conhece esse palácio por fora, mas nunca entrou para entender sua história e visitar seus grandiosos salões, que pouco ficam a dever a palácios mundo afora. O Quitandinha é grandioso, muitas histórias e sonhos megalômanos construídos em plena segunda guerra mundial.

Salão de recepção para dois mil convidados. São 13 salões, com até 10 metros de altura.

Quitandinha foi um sonho que durou pouco

O Palácio Quitandinha é fruto de um sonho de seu idealizador, o empresário Joaquim Rolla. Ele planejou o palácio para ser o maior cassino da América Latina e atrair celebridades e autoridades de todo o mundo. Para isso, não mediu esforços. Em plena segunda Guerra Mundial, o Palácio Quitandinha foi inaugurado. O hotel-cassino foi inaugurado em 1944, com 50 mil metros quadrados e seis andares, devididos em 440 apartamentos e 13 grandes salões com até 10 metros de altura.

A fonte interna, em sala contígua a outros salões, auditório, sala de imprensa e ao jardim interno, com chafariz.

O sonho do hotel-cassino não durou. Precisou ser fechado dois anos depois, quando o presidente Gaspar Dutra decretou a proibição do jogo no Brasil. A motivação teria sido uma reportagem informando que havia “jogos e crimes ” nos cassinos. A primeira-dama, Carmela Dutra, teria ficado escandalizada com as informações e influenciado o presidente a proibir jogos de azar no Brasil.

Vista aérea do Quitandinha iluminado. Foto Serra-Drone, cedida pelo PCVB (Petrópolis Convention & Visitors Bureau
Piscina, cúpula gigante e praia artificial fazem parte do Quitandinha

O Quitandinha foi projetado para ter muito luxo e espaços grandiosos. A piscina interna, aquecida, tem 4 metros de profundidade e foi desenhada em formato de piano de cauda. A cozinha abrigava até 100 cozinheiros simultâneos, que preparavam até 10 mil refeições para atender aos convidados do hotel-cassino. O salão principal tem palco mecanizado para três atrações simultâneas e acolhem mais de mil pessoas sentadas.

O cúpula do salão de jogos é imensa. Sua construção foi um grande desafio da época, com mais de 1 mil metros de diâmetro em concreto. A acústica do salão é perfeita e hoje, como o salão é um grande espaço vazio, quem visita o Quitandinha costuma brincar emitindo sons dentro do salão e ouvindo o eco perfeito, que varia de acordo com o ponto em que se está.

Varandas do Palácio Quitandinha, com grandes janelas para os jardins externos e desenhos feitos no piso de mármore

As varandas fechadas são um espetáculo à parte. Possuem chão desenhado e janelas grandiosas abertas para os jardins externos. Na parte externa, a megalomania do empresário não fez por menos. Fez o lago em frente ao Palácio em formato do mapa do Brasil e criou nele uma praia artificial, feita com areia trazida da Praia de Copacabana.

Essa é a sala-cassino, onde hoje os visitantes visitam e emitem sons nos espaço vazio para ouvir os ecos.

Com o fechamento do hotel-cassino, o Quitandinha tentou vários outros modelos de negócio. Os mais de 400 apartamentos do hotel foram vendidos a proprietários particulares, de classe média e alta, a maioria moradores do Rio de Janeiro. Como o custo de manutenção da construção histórica é muito alto, o condomínio acabou negociando a cessão da parte térrea ao Sesc, que hoje administra ali o Sesc Quitandinha.

Quitandinha hoje é espaço de grandes eventos

O Sesc Quitandinha promove no espaço algumas exposições, eventos e festivais. O mais famoso é o Festival de Inverno, que normalmente acontece em julho. Tem também cerca de dez pistas de boliche. Para frequentar o espaço, paga-se uma pequena entrada, que cai à metade se for trabalhados associado ao Sesc ou morador da cidade de Petrópolis.

Estando em Petrópolis, não perca a chance de conhecer esse palácio. Você vai se deslumbrar com tanta beleza! Quer conhecer outros prédios históricos no centro histórico de Petrópolis? Acesse aqui

Para conhecer mais do Palácio Quitandinha, acesse informações no site Descubra Petrópolis o site do Sesc Quitandinha .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *