Blog Descubra Petrópolis

Pedra de Itaipava, uma das trilhas mais bonitas de Petrópolis

Para quem gosta de fazer trilhas na serra, aqui vai uma dica preciosa: escolha um dia bonito, de tempo seco, para subir a Pedra de Itaipava. Trata-se de uma subida puxada, de cerca de duas horas de trilha contínua e para o alto! Embora não seja muito íngreme, a subida é vigorosa e constante, sem árvores ao redor para um descanso. Exige um bom preparo físico.

Itaipava, a pedra que chora

São três cumes até chegar ao topo. No primeiro deles, existe uma fenda na qual corre um filete de água. Vem daí a origem do nome ITAIPAVA, que significa pedra que chora em linguagem tupi-guarani. O trecho entre o primeiro e o segundo cume é tão bonito que já mostra aí que vale o esforço de enfrentar essa caminhada árdua e sem refresco. É uma trilha a céu aberto. Cuidado com carrapatos quando a estação estiver muito seca.

Fotos: Descubra Petrópolis

A trilha não é muito difícil, pois não exige nenhum grande preparo do esportista além de boa resistência e boa forma para enfrentar uma caminhada de duas horas. Mas não necessita de habilidades técnicas, já que seus trechos não apresentam perigo ou expertises específicas. Alcança uma altitude de 1.369 m. Outro desafio é que a trilha é um pouco confusa, principalmente no início do acesso. É preciso estar atento para não se perderna descida.

Nossa recomendação é sempre subir acompanhado de um guia experiente, que conheça a região. Há alguns esportistas mais convictos que, inclusive, acampam na região para ver o por do sol ou a lua, principalmente em noites de lua cheia, que deve ser mesmo um visual exuberante.

Sempre contrate um guia

Mesmo de dia, o visual que essa trilha oferece é de tirar o fôlego. Lá em cima, depois de atingir o último cume (que parece uma pirâmide), há uma clareira e uma vista infinita de morros e pedras a perder de vista.

Como chegar na Pedra de Itaipava

Pegue a BR-040 direção Juiz de Fora. Passe as duas entrada de Itaipava e fique atento à chegada do castelo de Itaipava (à direita). Pegue o retorno à esquerda e, em seguida, entra na primeira à direita, na Estrada do Ribeirão Grande. Siga sempre em frente até chegar na entrada d num condomínio. A partir daí, pegue uma subida à direita até uma bifurcação. Pegue à esquerda, na Rua B. Ao final dela, deixe o carro e siga a pé. Passe pela caixa dágua e continue subindo. A trilha é bem marcada, mas há alguns pontos que podem gerar dúvidas, principalmente na descida.

Só suba com tempo bom!

Como a trilha da Pedra de Itaipava é muito aberta, sem árvores, ela exige um bom preparo físico. Leve boné, água, filtro solar e algum lanche rápido para repor as energias. Não há ponto para descansar à sombra de uma árvore, nem áreas planas para sentar e apreciar por longo tempo o visual. Por isso, é morro a pique quase todo o tempo.

Mas, à medida que se sobe, a trilha vai ficando mais bonita. O destaque no meio da trilha é quando desponta o Cantagalo a leste e o Taquaril a nordeste. Um grande visual é quando o Morro da Maria Comprida começa a aparecer, com toda sua beleza e imponência.

Pedra de Itaipava: visual deslumbrante

Outra lindeza é o visual do cume principal. Quando você já está cansado, no fim do segundo cume, basta olhar para a frente e ver o cume principal, parecendo uma pirâmide que te chama à subida final. Nesse ponto, faltam apenas 150 metros para chegar ao topo e ver um dos visuais mais deslumbrantes da serra. A trilha vai então ficando estreita (mas não perigosa) A Parece uma pirâmide surgindo à frente. A vegetação é baixa, a trilha bem definida e a vista é espetacular. O cume não tem lajes, mas tem uma clareira que permite um merecido descanso enquanto aprecia o vigor e a beleza do lugar. Ao olhar, sua vista vai encontrar uma sequência de morros e pedras que parecem a superfície do céu. Ou da lua! É lindo demais!

Na descida, repare como o visual do início da descida também é lindo, revelando os vales abaixo e a grandeza ao redor.

Quer conhecer Petrópolis? Acesse o site ou nosso Instagram

Ou entre contato pelo WhatsApp: 21-98211-4206

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *